ptenes

A UninCor Belo Horizonte deu início, dia 04 de maio, ao projeto Odonto Social. A iniciativa da diretora pedagógica tem a adesão do NOP - Núcleo de Orientação Psicopedagógica e das coordenações dos cursos de Odontologia e Enfermagem.

A proposta visa uma promoção de debates sobre temas atuais e recorrentes em provas de conhecimentos gerais do ENADE, como forma de prepará-los melhor para o Exame e promover uma visão mais crítica e cidadã sobre os mais variados assuntos. "O principal objetivo é a gente pensar em um metodo de ensino-aprendizagem desenvolvido através da atualização desses alunos. Isso colabora com os trabalhos que discutem a formação de nossa crítica no ensino superior", comentou a Diretora Pedagógica da UninCor BH e idealizadora do projeto, professora Ivana de Cássia Raimundo.

odonto social01

No primeiro encontro do grupo, o professor Jesus Monteiro, responsável pelo NOP-BH, tratou de questões de gênero com o tema "Violência: do preconceito ao abuso". "A importância de se discutir a questão de gênero, cotidianamente, é porque este é um problema histórico que nós repetimos, às vezes, sem perceber. Por isso, o Odonto Social vem ampliar estes debates extremamente importantes para que consigamos redirecionar e mudar um pouco a lógica dos nossos pensamentos, que deve ser voltada para os direitos iguais e para a sutileza dessa igualdade. Essa mudança reflete não apenas no campo do judiciário, mas nos direitos cotidianos que é onde a gente tem que tomar cuidado e reprimí-los de forma reflexiva e contundente", comentou o professor.

O Odonto Social pretende também ampliar o espaço de discussão com visitas e participação em encontros e grupos externos, promovendo uma interação maior dos estudantes com a comunidade. Os próximos tópicos serão abordados nos dias 25 e 28 de maio e vão tratar de "Tráfico de Mulheres" e "Os transgêneros no esporte".

odonto social02